Ocorreu um erro neste dispositivo

Pontevedra Expectations!

18/06/11




(Claro, há mais atletas lusos e outros...)
Já me começa a "ferver" no sangue, este evento. Para mim, está em jogo coisas muito simples, mas de significado ímpar. Já aqui dei conta, irei relembrar. 
Sempre sonhei representar Portugal em qualquer coisa, porque amo este País onde nasci. Choram-me os olhos quando vejo atletas ou artistas ou simples cidadãos, nossos, subirem ao pódio e serem galardoados com os mais altos reconhecimentos públicos pela qualidade do seu trabalho, empenho, dedicação. Sinto-me parte deles, identifico-me com eles. Chamo-os a mim, em espírito, e agradeço-lhes. Do fundo do coração. Tantos são aqueles que neste momento me vêm à memória...Não poderia ter nascido noutro País qualquer, porque todas as minhas origens assim o ditaram. Portanto, poder concretizar este sonho de menino é qualquer coisa de especial, mesmo aos 50 anos. Não há limites para o sonho, não há idade para o concretizar. Esta a primeira conclusão. 
Também tenho de agradecer a uma modalidade, que me acolheu de braços abertos e me tem proporcionado não só a concretização daqueles sonhos, mas igualmente o prazer de me sentir com vinte anos novamente. Afinal, é possível voltarmos a ser jovens. Estará muito na nossa cabeça, mas também o encontro no meu corpo. Nunca me empenhei tanto como atleta como agora e isso nota-se na imagem que transporto.
Esta participação em Pontevedra será a minha primeira em eventos do género. Pena voar para Budapeste ser tão caro e lá estaria novamente, daqui a mais uma semana, a representar Portugal, no Europeu A-G de Triatlo Cross. Novamente! Nada me dará mais alegria, no desporto. Nada! Sendo um estreante, não tenho expetativas desportivas por aí além, apenas a de transportar as cores nacionais com a dignidade que o meu País me merece, em cada braçada, em cada pedalada, em cada passada...em cada gota do meu suor, mas também em cada sorriso meu. Portanto, os "bifes" e as "salsichas", os "empanados" e os "duchéses", os "cornudos" e as "tulipas", serão apenas novos companheiros, senão novos amigos. 
Tenho, isso sim, a expetativa de melhorar o meu tempo na distância, isto é, baixar das 2h35'. Com um reinício do treino da corrida há 6 semanas, já ficarei muito contente se isso acontecer. Mas, isto anda bem, estou numa fase boa, mesmo a corrida anda a "soltar-se". Percebem agora porque o "sangue me anda a ferver"?  Tenho uma preocupação; a temperatura da água e a hora em que a prova se irá desenrolar. Não treino natação às 7 da manhã. Não posso, não há condições para isso. Estou mais habituado a treinar quando o sol já está bem sorridente e as águas mais temperadas, as exteriores. Mas, no meio do "maralhal" acho que estas preocupações deixarão de existir. Esta semana, vou procurar adequar-me ao horário da prova, essencialmente no bioritmo.
Outra expetativa forte será a efusiva presença do apoio do público. Ah pois é, os espanhois são tão diferentes de nós, a este nível bem melhores, dão.nos lições. Imagino que as ruas estarão seguramente apinhadas de gente, os incentivos serão constantes. Até me vou sentir um atleta de alta performance. Claro que o ambiente que espero no seio do grupo será certamente de grande solidariedade e companheirismo. Se é o que é a nível nacional, elevar-se-á ao cubo em Pontevedra. Querem apostar?

Gostei da Newsletter que a FTP forneceu a todos os atletas. Só pecou pela demora. E não me considerei ofendido por erradamente me associarem ao Louletano. Seria um prazer partilhar o mesmo clube que o David Caldeirão, Carlos Cabrita e Nuno Neves, só para citar alguns. Mas, não. Fonte Grada tem sido uma emoção muito boa.

Esta semana vai passar rápido, mas eu quero vivê-la docemente, absorvendo-lhe todos os segundos. Pena ter de trabalhar.

Abraços triatléticos, companheiros.

7 comentários:

Rui Pena disse...

Boa prova João.

Abraço,


Rui

Royal Stuff disse...

Boas,
Boa prova.

Há informação na newsletter que só chegou à FTP ontem mesmo... Quanto às trocas de nomes... lamento e corrigiremos. Pretende-se que aquele documento, apesar de simples, seja também uma recordação daquilo que todos esperamos de Pontevedra: inolvidável. :-D

Abraços,
FC

Triatleta disse...

Boa sorte e diverte-te, muito!

Um abraço.

Hugo Gomes disse...

Já estamos em contagem decrescente João!...

Até já.

Um abraço!

João Correia disse...

Obrigado, companheiros. É muito bom sentir-mo-nos acompanhados. :))

Até breve.

bibicas disse...

Muito boa sorte. Principalmente que se divirta.

Um beijinho

Maria Areosa

david caldeirao disse...

quem me dera chegar aos 50 e ter essa ansiedade toda, esse entusiasmo por poder fazer, sempre algo novo :-) pela primeira vez!!!
muito bom..., companheiro!
espero (tenho a certeza) que as tuas expectativas sejam superadas!!!
jueves en galicia :-)