Ocorreu um erro neste dispositivo

Dica para obter gelo mais frio!

11/03/10



A receita foi-me dada a conhecer pelo fisioterapeuta Diogo Cardoso (Hospital de Fão), a quem me tenho entregue para a cura das minhas mazelas. Dentro dos cuidados reservados ao tratamento de lesões, a crioterapia, como técnica e procedimento terapêutico, é muito útil para a prevenção, tratamento e recuperação de traumatismos musculares, ligamentares, entre outros benefícios, dos quais os estéticos. A dica é simples: se misturarmos 20% de álcool etílico a 80% de água, mais coisa, menos coisa, temos uma mistura que depois de gelar irá constituir gelo mais frio e maleável, o que ajuda para ser usado em regiões corporais mais angulosas. É muito útil quando a pretensão é ter acesso a gelo mais frio, para rápidamente fazer descer a temperatura da região lesada. Os cuidados principais têm a ver com o tempo de exposição à acção do gelo, porque possuindo a capacidade de baixar mais rápidamente a temperatura local, não deve a sua aplicação demorar o tempo que usualmente é adoptado para o frio que normalmente utilizamos. A razão que está por detrás da maior baixa da temperatura do gelo prende-se com o facto de o álcool etílico ter o seu ponto de fusão mais baixo que a água.